NÚCLEO DE ARQUEOLOGIA, ETNOLOGIA E EDUCAÇÃO PATRIMONIAL, GUARDA E PRESERVA A HISTÓRIA DE MARABÁ E REGIÃO ATRAVÉS DAS PESQUISAS ARQUEOLÓGICAS

O Núcleo de Arqueologia de Marabá, teve como marco inicial a identificação de material arqueológico à margem direita do Rio Tocantins, próximo à Vila Espírito Santo, em Marabá no ano de 1978. Posteriormente com a criação da Fundação Casa da Cultura de Marabá em 1984, os estudos e documentação de sítios arqueológicos na região foram incluídos nas atividades da FCCM.

Como uma instituição de pesquisa, o núcleo desenvolve atividades de campo (identificação e registro de sítios arqueológicos, documentação e estudos de manifestações culturais em geral, coletas de material); trabalhos em laboratório (análise de material coletado); manutenção de acervo, além de divulgação (exposição, palestras, apoio à pesquisa escolar, apoio à pesquisa acadêmica) e educação ambiental-patrimonial.

Atualmente, o núcleo de arqueologia, possui um acervo com mais de 700 mil peças, que incluem, artefatos cerâmicos, ósseos e líticos, além de um cadastro contendo a identificação de 407 sítios arqueológicos nos estados do Pará. Maranhão e Tocantins.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pular para a barra de ferramentas