Fundação Casa da Cultura de Marabá: Retrospectiva 2023

Recital de Natal celebra o encerramento das atividades da FCCM em 2023
20 de dezembro de 2023
Marabá: grupo de trabalho da Lei Paulo Gustavo define lançamento dos editais
17 de janeiro de 2024

O ano de 2023 foi desafiador! Porém, foi repleto de conquistas, projetos e consolidação da Fundação Casa da Cultura de Marabá como o maior projeto social do município.

Com mais de quatro mil alunos, entre crianças, jovens e adultos, a instituição tem mudado a realidade de muita gente através da música, do esporte, de cursos profissionalizantes e do engajamento por uma sociedade cada vez melhor.

Para 2024, a FCCM reforça seu compromisso em continuar evoluindo através dos projetos sociais e ambientais, da prestação de serviço e da construção de um mundo melhor.

 

JANEIRO

Casa da Cultura é reconhecida pelo trabalho realizado em Saúde, Segurança e Meio Ambiente

A Fundação Casa da Cultura de Marabá recebeu o resultado da auditoria realizada pela contratante Vale sobre o Índice de Desenvolvimento do Fornecedor (IDF). Nos últimos cinco anos, com a gestão da presidente Vanda Américo, a instituição subiu de 39% para 89%.

Vanda Américo durante reunião com os coordenadores da FCCM

A análise da mineradora é feita através do setor de Saúde, Segurança e Meio Ambiente.

O resultado positivo é consequência do trabalho realizado em favor da preservação da saúde e integridade dos colaboradores, da antecipação, reconhecimento, avaliação e controle de eventuais ocorrências de riscos ambientais existentes no local de trabalho.

 

FEVEREIRO

Clube de Mães: carnaval resgata emoções e boas lembranças

A Fundação Casa da Cultura de Marabá, por meio do Clube de Mães, localizado nas dependências do NEI Arco-Íris, na Velha Marabá, proporcionou um verdadeiro resgate dos bons tempos de Carnaval que a cidade já vivenciou.

O movimento na Rua Cinco de Abril, próximo ao Hospital Materno Infantil, estava diferente. O som carnavalesco era ouvido de longe e aguçava a memória dos mais antigos que aos poucos iam chegando na sede no Núcleo.

“Esse espaço é cultura, é história. Aqui já foi muito festivo, muito comemorado, muito festejado. Os carnavais aqui eram memoráveis e muitas dessas senhoras que estão aqui, participaram de todo aquele momento de glamour que o Clube de Mães já passou”, conta Vanda Américo, presidente da FCCM.

 

MARÇO

Projeto “Resistência do Rio Flexeira” vai analisar qualidade da água desde a nascente

Com o objetivo de garantir o equilíbrio do ecossistema do Rio Flexeira – que é utilizado por várias comunidades e aldeias indígenas desde sua nascente no município de Rondon do Pará até sua foz no Rio Tocantins – a Fundação Casa da Cultura de Marabá, em parceria com o Ministério Público do Estado do Pará, realizou o lançamento do Projeto Resistência do Rio Flexeira.

O encontro realizado na Aldeia Akrãtikatêjê, na Terra Indígena Mãe Maria, marcou o início da expedição e a primeira coleta de amostras do rio, que será feita em vários pontos ao longo de seu curso.

 

ABRIL

II Giro Cultural no Museu movimenta Marabá por três dias

Com o objetivo de resgatar elementos importantes da cultura popular e mostrar às crianças e jovens o valor da história de Marabá, a Fundação Casa da Cultura de Marabá promove, pelo segundo ano consecutivo, em alusão ao aniversário da cidade, o Giro Cultural no Museu.

Segundo Vanda Américo, presidente da FCCM e idealizadora do evento, é preciso mostrar – e apresentar – a cultura marabaense aos mais novos.
“Um povo sem cultura é um povo sem história. Nós estamos fazendo história. Durante o Giro Cultural valorizamos a festa da divindade. Ano passado foi só o Divino, esse ano entrará o Santo Reis. Vamos lançar um livro infantil e um livro e documentário sobre a vida do jornalista Mascarenhas Carvalho. Nós reconhecemos sua história e precisamos homenagear essas pessoas, ainda em vida, que tanto contribuíram com o desenvolvimento da região. Teremos o Boi Marabazim deslumbrante junto com todas as lendas amazônicas em uma festa linda para as crianças, e teremos shows da The Queens e Nilson Chaves”, conta Vanda.

 

MAIO

Reunião traça segunda etapa de pesquisa arqueológica na Vila Santa Cruz

A presidente da Fundação Casa da Cultura de Marabá, Vanda Américo, reuniu-se na última quinta-feira, 4 de abril, com Mirtes Emília, historiadora da instituição, e com os professores do curso de Especialização Cultural Material e Arqueologia, Marciano Grokaliski, Maurício Heep, Daniel Justi e Jacqueline Ahlert, para organizar a segunda etapa da pesquisa arqueológica na comunidade Vila Santa Cruz, localizada do Parque Estadual Serra das Andorinhas, no município de São Geraldo do Araguaia.

“A criação do sítio escola, nasceu durante as aulas práticas do curso e, no momento que foi feita a prospecção da área e começaram a fazer o salvamento dos artefatos e do local, foi um marco importante para a pesquisa e para a Serra das Andorinhas. Arqueólogos do Brasil e do mundo podem atuar na área e fortalecer, ainda mais, a história da região, que é tão carente de literatura”, conta Vanda Américo.

 

JUNHO

Blitz da FCCM distribui mais de três mil lixeiras ecológicas

A ação dá o pontapé inicial no verão 2023 no muncípio. Pelo quinto ano a instituição realiza a campanha educativa para que condutores de veículos não joguem lixo pela janela do carro.

“Acredito que somos uma das poucas, se não a única, instituição que realiza campanhas desse tipo e com essa magnitude. Nós movimentamos a cidade com ações educativas e de conscientização sobre o meio ambiente, limpeza dos rios e sobre o lixo nas ruas. Hoje foi mais etapa que concluímos com sucesso. Todo mundo que passou pela blitz foi impactado de forma positiva sobre os cuidados com o meio ambiente e com a nossa cidade”, disse Vanda Américo, presidente da FCCM.

 

JULHO

V Colônia de Férias recebe 450 crianças durante cinco dias

Aproximadamente 450 crianças, entre 6 e 12 anos, participaram da quinta edição da Colônia de Férias promovida pela Fundação Casa da Cultura de Marabá.

A programação teve início na última segunda feira, 3, e se estendeu até esta sexta-feira, 7, e contou com passeios, brincadeiras, música, aventura e muita diversão.
Divididos em grupos por idade, cada turma tinha sua atividade específica de acordo com a faixa etária e eram acompanhados por monitores, todos servidores e estagiários da instituição.

 

AGOSTO

Inclusão Digital: FCCM investe em Curso de Informática para alunos da Escola de Música

Em mais uma ação voltada para a sociedade, a Fundação Casa da Cultura de Marabá oportuniza agora um curso de Informática Básica para os alunos da Escola de Música Moisés Araújo.

Para a presidente da instituição, Vanda Américo, é fundamental que jovens e adultos tenham a oportunidade de se capacitar.

“Percebemos a necessidade e abrimos essa sala aqui na sede para que eles possam se preparar para a vida e para o mercado de trabalho. Mais um projeto entregue para a comunidade e para aqueles que mais precisam. O professor Lucas tem orientado os alunos da melhor forma”, comemora Vanda Américo.

 

SETEMBRO

Festival do Cari movimenta Vila Espírito Santo e reforça a conscientização com a natureza

A 13ª edição do Festival do Cari é um evento promovido pelos donos de restaurantes e conta com o apoio e parceira da Prefeitura Municipal de Marabá através da Fundação Casa da Cultura.

Realizado na Vila Espírito Santo, o festival reúne restaurantes do balneário que oferecem o sabor incomparável da caldeirada de cari, um dos pratos mais procurados e apreciados pelos visitantes.

Além disso, outros pratos são servidos, como o tucunaré frito, tambaqui e galinha caipira

 

OUTUBRO

Geólogo que descobriu a mina de Carajás visita Museu Francisco Coelho

O geólogo Breno Augusto dos Santos, descobridor de minério de ferro em Carajás, em 31 de julho de 1967, retornou a Marabá com suas quatro filhas e visitou o Museu Municipal Francisco Coelho, onde seu legado é bastante valorizado na exposição permanente.

Logo na chegada, foi recepcionado pela presidente da Fundação Casa da Cultura, Vanda Américo, por músicos da instituição e por admiradores do seu trabalho.

Breno e as filhas, Sandra, Tânia, Márcia e Paula, fizeram um passeio pelo Museu e se encantaram e se emocionaram com tudo o que foi visto e sentido.

 

NOVEMBRO

FCCM e Unifesspa conclamam ao ICMBio a criação de áreas de conservação em Marabá

Durante os dias 8, 9 e 10 de novembro de 2023 o município de Parauapebas é palco para o Congresso de Gestão do Conhecimento e da Sociobiodiversidade das Áreas Protegidas de Carajás (CGBio). Realizado pelo Instituto Chico Mendes de Conversação da Biodiversidade (ICMBio), o evento é uma grande oportunidade para pensar em como gerenciar o conhecimento científico, tradicional e popular a favor da conservação da sociobiodiversidade, aliando políticas públicas que garantam um futuro saudável para esta e para as próximas gerações.

E foi com base nessa perspectiva que durante a Conferência Magna, com o tema “Do local para o global: o papel da Amazônia como vetor de sustentabilidade”, que a presidente da Fundação Casa da Cultura de Marabá, Vanda Américo, conclamou a criação de duas Áreas de Proteção Ambiental (APAs) – Paleocanal do Rio Tocantins e Bico do Papagaio – que ocorre ao longo do leito do Rio Tocantins, desde a cidade de Itupiranga até a região de Buruti dos Tocantins (TO).

 

DEZEMBRO

Cantata de Natal leva magia e emoção ao Museu Municipal Francisco Coelho

Em uma festa com o verdadeiro clima natalino de amor, paz, confraternização, música e muitos sorrisos, a Fundação Casa da Cultura de Marabá realizou mais uma Cantata de Natal em frente ao Museu Municipal Francisco Coelho.

O evento reuniu mais de mil estudantes dos projetos de extensão da Escola de Música Moisés Araújo e Praça da Juventude para juntos realizarem um verdadeiro espetáculo musical e cultural.

Além das apresentações dos corais e das bandas da FCCM, a Cantata de Natal contou com dois espetáculos de dança: “A Branca de Neve” e “Chapeuzinho Vermelho”, realizada pelos alunos da Praça da Juventude e Escola José Mendonça Vergolino, respectivamente.

 

 

Texto: Ana Mangas (ASCOM/FCCM)

Comments are closed.

Pular para a barra de ferramentas