Núcleo de Zoologia da FCCM realiza processo de taxidermia em 23 animais para exposição

A partir da doação de animais vítimas de acidentes/atropelamentos na estrada dos projetos da mineradora Vale S.A, o Núcleo de Zoologia da Fundação Casa da Cultura de Marabá, através das servidoras Maria Bethânia Fonseca, Ângela Maria Matos e Jurinha Teixeira, realizaram nos últimos três meses o processo de taxidermia (empalhamento), em 23 animais, entre aves e mamíferos, que já estão em exposição no Museu Municipal Francisco Coelho.

Através de uma formação com profissionais do Museu Paraense Emílio Goeldi, de Belém, as servidoras do Núcleo de Zoologia da FCCM tiveram a oportunidade de dominar a técnica, e muito em breve devem ofertar a comunidade universitária da área das ciências biológicas, um workshop sobre o tema.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Pular para a barra de ferramentas